Neste ano, acontece um dos maiores, se não maior evento do mundo: a Copa do Mundo de futebol. Após um período longo e doloroso de pandemia, o espetáculo promete ser grandioso, marcando uma renovação e celebração da vida, das pessoas e da alegria que é a reunião de diversas nações em harmonia.

Já entrando no clima de festa após o sorteio do grupo que aconteceu nessa sexta-feira, às 13h, a Campinas Café trouxe uma matéria contando sobre as belezas e particularidades do Qatar, luxuoso país sede da competição, localizado no Oriente Médio e que pode entregar uma das maiores Copas da História.

Confira também a música tema do mundial:

O Qatar

Localizado na Península arábica, não é um país muito populoso e com grande extensão territorial, o Qatar tem 2.743.901 habitantes e uma área 11.610 km2, a religião predominante é o islamismo e é governado por emir Tamim bin Hamad Al Thani. Apesar disso, é uma das nações mais ricas do mundo, com a economia baseada em petróleo e gás natural a partir dos anos 40.

A Copa

Agora que você já conhece mais do país, vamos ao que interessa: a competição. Essa Copa já será diferente das outras em um aspecto muito importante: a data. Será a primeira Copa da história a ser disputada no outono, entre os meses de novembro e dezembro, devido as altas temperaturas do país entre junho e julho, tradicional período que o mundial sempre foi disputado, ou seja, será a primeira copa a ser disputada no outono.

Taça da Copa, na Cerimônia da FIFA – Foto: Divulgação/FIFA

Estádios

Para o torneio, serão construídos oito estádios Padrão Fifa, com camarotes, ambientes climatizados, espaços interativos e o que há de mais novo na sustentabilidade, inovação e tecnologia.

Caso do Estádio Al ThumamaCaso, que a área externa do projeto explora a arquitetura ecológica, buscando a certificação de quatro estrelas do Sistema de Avaliação de Sustentabilidade (GSAS), seja no seu design ou construção. O estádio garante a economia de 40% a mais de água do que um estádio comum, já que utiliza água para irrigar áreas verdes. A área verde integrada no projeto usa árvores nativas que corem 84% da paisagem.

Al Thumama é um dos mais modernos estádios da Copa – Foto: Divulgaão

Turismo

Mas, evidentemente, não é só Copa do Mundo que há de entretenimentos do país. Com uma arquitetura ultramoderna e cidades desenvolvidas, Doha é um exemplo delas, que á a capital do país. Destino ideal para as compras, onde há o mercado “Souq Waquif”, além do Museu de Arte Islâmica e Museu Nacional do Qatar.

Há também os arranha-céus com restaurantes luxuosos e mirantes. Do ponto de vista cultural, há a Biblioteca Nacional do Qatar e o bairro The Pearl, que foi construído inteiramente sobre o mar.

Outros pontos turísticos interessantes são o Katara Cultural Village, complexo de cultura, religião, gastronomia e lazer, e o Al Zubarah, forte militar que foi construído entre os séculos XVIII e XIX para proteger a cidade de possíveis ataques. Ele segue altamente conservado e fica, atualmente entre o deserto e o mar, o que resulta em um lindo cenário.

Os Grupos

Dentro de campo, já está definido os confrontos depois do sorteio realizado pela FIFA, nesta tarde de sexta-feira, que contou com figuras importantes no mundo do esporte, como o técnico da Seleção Brasileira, o Tite, o ex lateral e campeão do mundo Cafu e o técnico da atual campeã França, Didier Deschamps. Confira todos os grupos e os confrontos que faltam para a definição completa.

Grupo B: vencedor entre Escócia e Ucrânia x País de Gales

Grupo D: vencedor entre Austrália e Emirados Árabes Unidos x Peru

Grupo E: Costa Rica x Nova Zelândia

Os oito grupos da Copa do Mundo – Foto: Divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome aqui