O Grupo CCR, companhia de infraestrutura orientada para mobilidade humana, em parceria com o Governo do Estado de São Paulo, lança mais uma Ciclo Rota São Paulo CCR, a Rota das Frutas, no próximo sábado, dia 29 de janeiro. O trajeto de 75 quilômetros, de nível desafiador, passa pelas cidades de Jundiaí, Louveira, Vinhedo e Itatiba.

“Esta é a segunda iniciativa que estamos lançando dentro do Projeto Ciclo Rotas São Paulo CCR e guarda relação direta com a Rota das Flores, inaugurada em dezembro do ano passado em Holambra”, diz Fabio Russo, Presidente da CCR Infra. “Continuamos focados em oferecer mais segurança e em proporcionar novas alternativas e experiências aos ciclistas que utilizam as rodovias administradas pela CCR para treino, passeio ou até mesmo deslocamento para o trabalho”, completou.

DESLOCAMENTO SEGURO

Com a criação das primeiras rotas ciclísticas CCR no Estado de São Paulo, serão entregues 300 quilômetros de ciclo faixas compartilhadas para proporcionar lazer, conscientização e deslocamentos mais seguros aos ciclistas.

“Estamos no início de uma grande jornada para incentivar o uso das bikes, dialogar com ciclistas e motoristas, e para integrar as bicicletas à mobilidade urbana de forma segura” enfatiza Russo.

SOBRE O EVENTO

No sábado, 29/01, data de lançamento, os ciclistas poderão conhecer um pouco mais da Rota das Frutas. Seguindo os protocolos sanitários de combate ao Covid-19, a largada do evento acontecerá no estacionamento do Paço Municipal Nova Jundiaí.

Às 7h terá a saída de um pelotão de ciclistas mais experientes que percorrerão os 75 quilômetros da rota. A partir das 9h30, acontecerá a saída de um segundo pelotão de ciclistas que percorrerão, de forma simbólica ao lançamento do. A rota, com pouco mais de 8 quilômetros passando por trecho da Rota das Frutas e por vias municipais dentro da cidade de Jundiaí com nível de dificuldade médio.

ROTA DAS FRUTAS

Com acesso a partir das rodovias do Sistema Anhanguera-Bandeirantes, e a menos de uma hora das cidades de São Paulo e Campinas, a Rota das Frutas passa por regiões com plantações de uvas, pêssegos, caquis, ameixas e figos. Experiência única para aqueles que estão habituados a pedalar em regiões urbanas.

INFRAESTRUTURA

Além de barracas de frutas ao longo de todo o trajeto, o ciclista também pode apreciar belas paisagens, numa altimetria que varia entre 673 e 937 metros, características que a classificam como grau desafiador de dificuldade. Em formato circular, a Rota das Frutas pode ser iniciada a partir de cinco pontos, todos com infraestrutura de apoio como estacionamento, banheiros, espaços de alimentação, entre outros

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome aqui