Por Lucas Estevam                                           

Uma ilha que parece pequena, mas esconde um monte de coisas incríveis! Assim é Capri, no sul da Itália. Fiquei encantado e resolvi compartilhar com vocês algumas dicas de roteiro, onde ficar, como ir e o que fazer. Vamos lá!

ROTEIRO 2 OU 3 DIAS:

DIA 1 – CHEGANDO EM CAPRI

Chegando em Capri, você precisa escolher se vai até seu hotel de funicular, taxi ou ônibus. O funicular e bus custam 2 euros cada viagem e o taxi uma media de 25 euros. Fui de ônibus, pois um rapaz do hotel havia buscado nossas malas no porto. Sendo assim, não tinhamos porque pagar um taxi. Fizemos o check-in no hotel La Minerva e, logo depois, fomos explorar a ilha de Capri. Capri tem apenas duas cidade: Capri e Anacapri. O primeiro dia, tirei para explorar Capri, tomar um gelato, passear pela cidade e olhar as vitrines das lojas caríssimas da cidade.

DIA 2 – PASSEIO DE BARCO POR CAPRI

Acordamos cedo para fazer o passeio de barco com a Mariana Positano. Ela é uma brasileira que faz passeios de barcos pela costa Amalfitana e por Capri. Esse passeio de barco é OBRIGATÓRIO! O mais lindo de Capri é poder ver a ilha do mar. O passeio durou quase duas horas e paramos para visitar a gruta azul. Bom, minha opinião sobre a gruta azul é: vale a pena fazer uma vez. O lugar é lindo: uma gruta com um tom de azul super claro devido ao reflexo das cores do mar e dos raios de sol dentro da gruta. O que me incomodou foram duas coisas: o valor de 14 euros por pessoa e o fato de isso tudo durar APENAS 1 minutos! Sim, é tudo muito rápido, porém muito lindo. Após o passeio, fomos para Anacapri conhecer a cidadezinha. Anacapri é menos “chique” que Capri, mas tem seu charme. Resolvermos almoçar por lá. Os restaurantes são um pouco mais baratos.

DIA 3 – PRAIAS DE CAPRI

No seu terceiro dia, recomendo pegar uma praia e relaxar. Afinal, Capri merece um dia só pra ela! Fora do verão, a água do mar é gelada, mas vale tomar um banho de sol. Ah, e lembre-se: Capri é linda durante todo o ano e cada estação tem sua beleza. No verão, de junho a setembro, a ilha fica super badalada, com a presença de celebridades e de turistas que adoram o glamour local. Se você prefere sossego, pense em outra estação para visitar Capri!

ONDE FICAR EM CAPRI:

Capri é uma ilha muito cara! Decidi escolher um hotel bom, no estilo boutique, mas que não fosse gastar tanto. Descobri o La Minerva. Um hotel 4 estrelas de uma família italiana, onde fui super bem recebido! O hotel tem cores branca e azul, que transmite aquela paz característica do mediterrâneo.

O café-da-manhã é bem completo, com omeletes ou ovos beneditinos feitos na hora e uma vista incrível do mar! Os quartos são amplos, com um walk in closet e varandas com vista. O meu quarto tinha vista para a piscina, natureza e parte do mar. O que mais gostei foi a cama, ultra confortável!

Ah! Tem ainda um happy hour no hotel todos os dias! Antes de dormir, você recebe uma programação com tudo que acontecerá no dia seguinte. Sendo assim, pode já programar algumas atividades, passeios ou até mesmo se preparar para o Happy Hour. São duas horas com drinks a vontade (tudo incluso na diária). Experimente um Aperol com Limoncello! Estava delicioso!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome aqui

2 × 2 =