A primeira série brasileira já está consagrada. Traduzida em 20 idiomas e reproduzida em mais de 190 países, “3%” volta neste mês ao streaming. Por isso, a Campinas Cafe conversou com o mais novo integrante do drama, Léo Belmonte, ator mirim de 17 anos, que ficou conhecido por interpretar Jorge, em “Carrossel”, telenovela infantil produzida pelo SBT. Confira a entrevista:

Como é para você ter a oportunidade de participar de uma série do Netflix? Será um novo passo para a sua carreira como ator?

É incrível! Até porque isso significa um grande passo na minha carreira. “3%” é a primeira série brasileira já feita. E o mais legal é que ela teve uma grande adesão, já que foi traduzida para 20 idiomas e possui espectadores em 190 países.

Para você, o que significa a presença das séries brasileiras no streaming? O Brasil está mostrando o que é capaz através das produções do Netflix?

Com toda certeza! O Brasil tem muito potencial, que muitas vezes não é aproveitado pelos próprios brasileiros. Todas essas séries brasileiras indo para o streaming também representam todo um mercado se aquecendo, e isso é incrível!

3%

Com qual ator de “3%” você está mais ansioso de trabalhar?

Todos os atores são sensacionais, muito generosos! Fui recebido muito bem tanto pelo elenco quanto pela produção. A troca foi incrível e a série está linda. Estou muito animado!

Você é conhecido por “Carrosel”. Como você encara a mudança de produções?

Absolutamente tudo. Agora estou mais velho, mais maduro, e o desafio também é mais complexo. O meu personagem possui cenas de emoções fortes, como raiva, dor física e choro. Então, o trabalho para explorar esses sentimentos é bem diferente, já que  exige muito de nós, mas é muito gostoso.

Qual o seu maior sonho como ator? Onde você se vê daqui 10 anos?

Me vejo trabalhando bastante, e também penso muito em dirigir um dia, tenho muito amor pela minha profissão em todas as áreas: atuar, criar, dirigir, é tudo muito gostoso de se fazer.

Sobre “3%”

3%

Indicada no exterior como uma das melhores séries da Netflix por veículos como “The Hollywood Reporter” e “Variety”, a série possui como enredo um futuro onde todos os jovens de 20 anos, que queiram viver no conforto do Maralto com a Elite, devem passar por um processo seletivo para viver lá. Porém, apenas só 3% serão aprovados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome aqui