No Brasil, é comum as pessoas escolherem o litoral para passar o Revéillon e começar o ano praticando hábitos tradicionais, como assistir a queima de fogos e pular sete ondas no mar depois da meia noite. No entanto, o interesse por outros lugares, a curiosidade de descobrir atividades diferentes e a possibilidade de escapar do que já se conhece também podem surgir nesta época do ano. Por isso, a Trust Intercâmbio fez uma lista de cinco cidades nacionais e internacionais para o Ano Novo.

Cidades nacionais e internacionais para o Ano Novo


Gramado – RS

Gramado é uma alternativa para quem tem o interesse de conhecer a cultura, a culinária e as tradições da região. No local, é possível visitar museus, fazer passeios de locomotiva, acompanhar os roteiros para as regiões de cultivo da uva e de vinho e visitar tradicionais lojas de chocolate. A cidade, bastante procurada nas temporadas de inverno, organiza o seu verão para ser igualmente atraente: são mais de 80 dias de festas, com shows de música e decorações que tornam Gramado a sede de um dos espetáculos natalinos mais belos do país. Por conta da alta procura (uma média de 3 milhões de visitantes no final do ano), recomenda-se aos interessados que se organizem de forma antecipada.

Bonito – MS

A cidade sul matogrossense é outra opção para quem pretende fugir do clima de praia e unir descanso, aventura e contato com a natureza no final do ano. Bonito é considerada um dos melhores destinos no quesito ecoturismo, e disponibiliza roteiros para visitar fazendas cachoeiras, grutas e opções para praticar esportes radicais. É nas beiradas do rio Formoso, e ao som de músicas, bebidas e decorações temáticas, que a passagem do ano é tradicionalmente celebrada com queima de fogos a partir da meia-noite. Por conta da alta procura, aconselha-se que os futuros visitantes entrem em contato com hotéis e agências de passeio com antecedência.

Cusco – Peru

Embora Machu Pichu seja um dos principais interesses turísticos do Peru, Cusco também não deixa de ser um destino andino bastante atraente para o final do ano. A cidade, localizada na parte sudeste do Vale Huatanay, organiza uma das festas de réveillons mais animadas da América Latina, com opções de comidas típicas, bebidas tradicionais e música locais. A imersão na cultura peruana também atinge as vestimentas: a tradição na cidade é celebrar a chegada do novo ano com roupas amarelas, e não com os trajes brancos que o brasileiros estão acostumados. A Plaza de Armas, iluminada para o final do ano, é um local de Cusco que merece a visita pela beleza das decorações.

Santiago do Chile – Chile

Santiago do Chile é outro local que merece atenção para quem quer passar um ano novo diferente. A capital chilena apresenta opções diversas de festas, comidas e pontos para assistir à queima de fogos. Além da Torre Entel, onde  a maioria das pessoas passa a virada do ano, destaca-se também o restaurante Giratório, localizado no topo de um dos maiores prédios da cidade, e que gira lentamente enquanto as pessoas jantam e são surpreendidas com uma vista panorâmica da capital. Quem se interessar começar 2019 em Santiago terá a oportunidade de conhecer vinícolas próximas da cidade e degustar os vinhos que fazem do Chile um dos principais produtores da bebida.

Buenos Aires – Argentina

A capital argentina é uma alternativa tanto para pessoas que querem fazer passeios mais familiares, como para os que têm o interesse de passar a primeira madrugada do ano inteira em festas. A região de Puerto Madero é a mais animada de Buenos Aires, que além de sediar a maior queima de fogos da cidade, também abriga restaurantes que servem ceias fartas. É neste ponto da cidade onde conhecidas casas de tangos também estão situadas. É comum as pessoas, no dia 31, entrarem para assistir aos shows desta tradicional dança argentina. A procura também é alta, portanto, vale checar as disponibilidades!

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome aqui