Assim como nós, nossos amigos peludos também precisam tomar vacina

Vacinar é importante. Educar-se a respeito de vacinas também é! Fique sempre atento para não deixar seu pet desprotegido.

A vacinação nos pets é algo que todos os donos devem ter em mente quando adotam um novo amigo canino a família. Afinal, preservar a saúde do animal é essencial e também evita problemas futuros. Fique sempre alerta, já que cães e gatos devem ser vacinados ainda filhotes e, depois de adultos, é necessário repetir as doses pelo menos uma vez ao ano.
#ficadica

Para Cães:
1)Vacina óctupla: Previne doenças como: Cinomose, Coronavirose, Hepatite, Adenovirose I e II, Leptospirose, Pervovirose e Parainfluenza. Dever ser administrada quando o bichinho tiver 2 meses e a segunda dose quando o cão tiver 3 meses e a terceira quando tiver 4 meses. O reforço dessa vacina deve ser anual, ou seja, quando o cão tiver 1 ano e 2 meses.

2)Vacina anti-rábica: É uma vacina obrigatória por lei que previne o cão contra a raiva. Deve ser ministrada uma semana após a terceira dose da vacina óctupla.

3)Vacina contra giardíase: Não é obrigatória, embora seja de grande utilidade contra o parasita giárdia. Pode ser feita a partir de 2 meses de idade, em duas doses, sendo que a segunda dose deve ser dada 30 dias após a primeira.

Para Gatos:
1)Vacina Quíntupla: Previne as seguintes doenças: Rinotraqueíte viral felina, calicivirose felina, panleucopenia felina, clamidiose felina e leucemia felina. 3 doses devem ser administradas, a primeira quando o gatinho tiver 2 meses, a segunda com 3 meses e a quarta com 4 meses. A vacina quíntupla deve ser reforçada anualmente

2)Vacina anti-rábica: Obrigatória por lei, previne o gato contra a raiva. Deve ser administrada uma semana após a terceira dose da vacina quíntupla.

Não é necessário vacinar filhotes com menos de 45 dias de idade, a menos que a mãe do pet nunca tenha sido vacinada, pois as vacinas podem ser inativadas pelos anticorpos passados da mãe para a cria.

Tags